9.1) Transportes

Esta seção apresenta informações abrangentes a respeito dos transportes no município de Santa Maria, seja ele de cargas ou de passageiros. Com referências atuais e históricas, encontra-se organizada pelos diferentes tipos de transporte atuantes.

9.1.1) Tabela Resumo dos Transportes

Tabela 9.1.1 – Tabela Resumo
Frota de Veículos
Veículos  por habitante 0,47
Veículos de passeio por habitante 0,43
Veículos por domicílio 1,41
Veículos de passeio por domicílio 1,30
Transporte Coletivo
Passageiros por km 2,01
Km por veículo/ mês 5.606,94
Passageiros por mês 2.206.977
Transporte Aéreo
Nº de aeronaves 6
Voos diários 4
Pousos/ decolagens anual 1.003
Transporte rodoviário de passageiros
Nº de ônibus que saem da rodoviária 165
Embarque/ desembarque 3.000
Transporte rodoviário de cargas
Empresas registradas 331
Autônomos registrados 1170
Autônomos registrados 2600
Transporte ferroviário
Viagens comerciais 10
Vagões por trem 70
Extensão da rede 80
Táxis
Pontos de táxis 35
Veículos 211
Pontos de moto-táxi 241
Veículos 241
Pontos de moto-frete 91
Veículos 102
Veículos de transporte escolar 368

9.1.2) Contexto Histórico

O transporte ferroviário foi o primeiro a se desenvolver no município. Em 1885, a estação férrea de Santa Maria foi inaugurada, e em 1905, a empresa estatal Viação Férrea do Rio Grande do Sul (VFRGS), passou a administrar a ferrovia estadual.
No começo da década de 1920, os trens iam até São Paulo, e com este visível desenvolvimento foi dado mais um passo em direção ao progresso: construiu-se a plataforma coberta para embarque e desembarque de passageiros. Esta plataforma – a Gare, como é conhecida há muitos anos -, se tornou símbolo local, pois sua construção trouxe o contexto social da cidade, configurando a ela uma cultura de cidade ferroviária. A grande demonstração disso foi o impressionante salto populacional, que quintuplicou nos 20 anos seguintes a chegada da ferrovia.
Em 1923, o prédio da Estação pegou fogo pela primeira vez, tendo em seu histórico vários incêndios também nos anos 90. Em 2 de fevereiro de 1996 Santa Maria foi abalada pela desativação da linha que transportava passageiros e logo veio o abandono e os atos de vandalismo na Gare.
A decadência do transporte ferroviário no final dos anos 80 e a suspensão do transporte de passageiros em 1996, fez com que a estação perdesse sua função a milhares de santa-marienses. Com a política de privatização, a Rede Ferroviária Federal Sociedade Anônima (RFFSA) foi cedida à iniciativa privada em março de 1997. Os prédios não operacionais, nos quais se inclui o da Estação, continuaram de posse governamental, sendo repassados para o uso da prefeitura de Santa Maria.
Já o transporte rodoviário de passageiros iniciou-se em 27 de fevereiro de 1942 com o registro de construção da estação rodoviária municipal na Avenida Rio Branco. Aos poucos, o espaço que a rodoviária ocupava foi ficando restrito, não só pelo aumento das linhas de ônibus e de passageiros, mas por ser um local de grande movimento e centro econômico da cidade. Então, a rodoviária passou a ser localizada na Avenida Nossa Senhora das Dores, mas o rápido desenvolvimento da cidade incentivado, sobretudo pela construção da Universidade Federal e da Base Aérea, entre outras importantes instituições, ocasionou a defasagem do espaço e a sobrecarga de trânsito no local, que se tornou uma das principais vias de acesso ao centro da cidade. Assim, o novo terminal rodoviário da cidade, localizado no bairro Nossa Senhora de Lourdes, começou a operar em 8 de dezembro de 1996 e mantém-se até hoje.
A utilização do transporte aéreo facilita o deslocamento de turistas que buscam a cidade e região para a visitação do setor educacional, religioso, gastronômico, e do setor turístico em geral. O Aeroporto Civil de Santa Maria, situado no bairro Camobi, próximo a Universidade Federal, possui voos comerciais diretos para Porto Alegre, Santo Ângelo e Uruguaiana. O terminal está situado em área de propriedade da Base Aérea de Santa Maria, e é utilizada a mesma pista de pouso e decolagem, que também serve ao Aeroclube de Santa Maria, formador de pilotos comerciais e agrícolas.

9.1.3) Tamanho da frota de veículos

Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Santa Maria possui uma frota de 124.057 mil veículos. A Tabela 9.1.2 a seguir mostra a quantidade de veículos divididos por categorias, atualizados em maio de 2012.

Tabela 9.1.2- Frota de Veículos de Santa Maria, por categoria
Automóvel 75.975
Caminhão 3.272
Caminhão trator 546
Caminhonete 8.517
Camioneta 3.865
Chassi Plataforma 5
Ciclomotor 51
Micro-ônibus 366
Motocicleta 21.925
Motoneta 3.853
Ônibus 950
Quadriciclo 1
Reboque 3.157
Semi-reboque 680
Side-car 8
Outros 89
Trator Esteira 1
Trator de rodas 180
Triciclo 24
Utilitário 592
TOTAL 124.057
Fonte: Denatran, maio de 2012

O Quadro 9.1.1 a seguir, contém a definição de cada uma das categorias dos veículos apresentados na tabela anterior.
Quadro 9.1.1 (Em Breve)

Automóvel Veículo automotor destinado ao transporte de passageiros, com capacidade para até oito pessoas, inclusive o condutor.
Caminhão Veículo automotor destinado ao transporte de carga, com carroçaria, e peso bruto total superior a 3500 Kg.
Caminhão trator Veículo automotor destinado a tracionar ou arrastar outro.
Caminhonete Veículo automotor destinado ao transporte de carga, com peso bruto total de até 3500 Kg.
Camioneta Veículo automotor, misto, com quatro rodas, com carroçaria, destinado ao transporte simultâneo ou alternativo de pessoas e carga no mesmo compartimento.
Chassi Plataforma Veículo inacabado, com equipamento que permita seu deslocamento em vias de rolamento, preparado para receber carroçaria de ônibus.
Ciclomotor Veículo de duas ou três rodas, provido de um motor de combustão interna cuja cilindrada não exceda a 50 cm³.
Micro-ônibus Veículo automotor de transporte coletivo com capacidade para até 20 passageiros
Motocicleta Veículo automotor de duas rodas, com ou sem side-car, dirigido em posição montada.
Motoneta Veículo automotor de duas rodas, dirigido por condutor em posição sentada.
Ônibus Veículo automotor de transporte coletivo com capacidade para mais de 20 passageiros.
Quadriciclo Veículo de estrutura mecânica igual às motocicletas, possuindo eixos dianteiro e traseiro dotados de quatro rodas.
Reboque Veículo destinado a ser engatado atrás de um veículo automotor
Semi-reboque Veículo de um ou mais eixos que se apoia na sua unidade tratora ou é a ela ligado por meio de articulação
Side-car Carro ou caçamba provido de uma roda acoplada na lateral da motocicleta
Outros Argumento que não se encaixa em nenhuma definição estabelecida.
Trator Esteira Trator que se movimenta por meio de esteira
Trator de rodas Trator que se movimenta sobre rodas, podendo ter chassi rígido ou articulado.
Triciclo Veículo rodoviário automotor de estrutura mecânica igual à motocicleta dotado de três rodas.
Utilitário Veículo misto caracterizado pela versatilidade do seu uso, inclusive fora da estrada.
Quadro 9.1.1 – Definições das categorias de veículos

O Gráfico 9.1.1 a seguir, apresenta informações relativas a percentagem de veículos de passeio, de acordo com as categorias já citadas neste relatório.

Gráfico 9.1.1 - Percentagem de veículos de passeio, por categoria

Gráfico 9.1.1 – Percentagem de veículos de passeio, por categoria

Do número total de veículos de passeio, mais da metade são automóveis (67%). De acordo com os dados, é constatada a relação de 0,29 automóveis para cada habitante santa-mariense.
A Tabela 9.1.3 apresenta um resumo dos dados e da análise dos dados relativos ao número de habitantes relacionado ao número de veículos de passeio em 2011, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Tabela 9.1.3 - Resumo relação habitante x veículo de passeio x automóvel
Número de habitantes Total de veículos de passeio Veículos de passeio/ habitante Automóvel/Habitante
262.368 114.136 0,43 0,29
Fonte: IBGE, maio de 2012

A seguir, relaciona-se o número total de domicílios, segundo os dados de 2010 do IBGE, com o número total de veículos de passeio e com o número de automóveis.

Tabela 9.1.4 - Resumo relação domicílios x veículos de passeio x automóveis
Número total de domicílios Número total de veículos de passeio Veículos de passeio / domicílios Automóveis / domicílios
87.450 114.136 1,30 0,87
Fonte: IBGE, maio de 2012

Devido aos altos índices apresentados, Santa Maria pode ser considerada uma cidade que possui fatores favoráveis ao congestionamento urbano rodoviário. Destaca-se a relação de 0,87 automóveis para cada domicílio santa-mariense.

9.1.4) Transporte Coletivo do Município

Neste tópico estão contempladas informações históricas e demais características referentes ao transporte coletivo municipal.

9.1.4.1) Histórico por Características

O transporte coletivo em Santa Maria recebe cada vez mais investimento em inovação e qualidade. A última ação tomada para atender essa demanda foi a implementação do consórcio Sistema Integrado Municipal (SIM). Este consórcio busca a integração de todas as empresas de transporte coletivo atuantes na cidade. A Associação dos Transportes Urbanos (ATU) é a responsável pelo consórcio.
O SIM adotou cartões de passagens, classificados por categorias, como Cidadão, Cidadão Integrado, Estudante, Estudante Integrado, Vale transporte, Vale transporte Integrado, Operário, Operário Integrado, Tratamento de saúde, Especial e, ainda, categorias que não possuem cartões, como Pagantes e Passe Livre.
Dentro desta classificação, os Quadros 9.1.2 e 9.1.3 demonstram o histórico dos números de passageiros em cada uma das categorias, por semestre, no ano de 2011.

Categoria Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho
Pagantes 46% 46,62% 40,86% 38,81% 37,44% 37,40%
Cidadão 1,17% 1,50% 1,57% 1,77% 1,98% 2,15%
Cidadão integrado 0% 0% 0% 0% 0,01% 0,06%
Estudante 6,46% 5,40% 17,43% 20,60% 21,14% 21,21%
Estudante Integrado 0% 0% 0% 0% 0,04% 0,14%
Vale transporte 36,53% 36,27% 30,80% 29,60% 30,18% 29,58%
Vale transporte Integrado 0% 0% 0% 0% 0,02% 0,21%
Operário 2,33%% 2,53% 2,51% 2,29% 2,40% 2,44%
Operário Integrado 0% 0% 0% 0% 0,01% 0,05%
Passe Livre 7,31% 7,60% 6,74% 6,71% 6,51% 6,50%
Tratamento de Saúde 0% 0% 0% 0% 0% 0,02%
Especial 0,22% 0,07% 0,07% 0,20% 0,21% 0,21%
TOTAL 2.148.681 2.065.623 2.760.555 2.724.799 2.852.972 2.747.821
Fonte: Consórcio SIM, dezembro 2011
Quadro 9.1.2 – Histórico de passageiros do Sistema Integrado Municipal, por categoria, no primeiro semestre de 2011
Categoria Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho
Pagantes 46% 46,62% 40,86% 38,81% 37,44% 37,40%
Cidadão 1,17% 1,50% 1,57% 1,77% 1,98% 2,15%
Cidadão integrado 0% 0% 0% 0% 0,01% 0,06%
Estudante 6,46% 5,40% 17,43% 20,60% 21,14% 21,21%
Estudante Integrado 0% 0% 0% 0% 0,04% 0,14%
Vale transporte 36,53% 36,27% 30,80% 29,60% 30,18% 29,58%
Vale transporte Integrado 0% 0% 0% 0% 0,02% 0,21%
Operário 2,33%% 2,53% 2,51% 2,29% 2,40% 2,44%
Operário Integrado 0% 0% 0% 0% 0,01% 0,05%
Passe Livre 7,31% 7,60% 6,74% 6,71% 6,51% 6,50%
Tratamento de Saúde 0% 0% 0% 0% 0% 0,02%
Especial 0,22% 0,07% 0,07% 0,20% 0,21% 0,21%
TOTAL 2.148.681 2.065.623 2.760.555 2.724.799 2.852.972 2.747.821
Fonte: Consórcio SIM, dezembro 2011
Quadro 9.1.3 – Histórico de passageiros do Sistema Integrado Municipal, por categoria, no primeiro semestre de 2011

A seguir, no Gráfico 24, observa-se a porcentagem total das categorias usada pela população santa-mariense, no ano de 2011.

Gráfico 9.1.2 - Porcentagens de usuários do transporte coletivo municipal por categoria.

Gráfico 9.1.2 – Porcentagens de usuários do transporte coletivo municipal por categoria.

No gráfico, as categorias foram agrupadas de acordo com os seguintes critérios: Pagantes e Vale Transportes, por serem os mais usados; Cidadão, Tratamento de Saúde e Especial, geralmente fornecidos pelos empregadores dos usuários; Estudante, Operário, Vale transporte Integrado e Cidadão Integrado, por possuírem 50% de desconto; Estudante Integrado e Operário Integrado, por possuírem 75% de desconto; e gratuidade na roleta.
Já na Tabela 181 encontra-se o número total de passageiros no ano 2011, bem como o total de quilômetros, média de quilômetros por mês e índice total de passageiros por quilômetro.

Tabela 9.1.5 – Dados numéricos totais do transporte coletivo
Número Total de passageiros/ 2011 Total km / 2011 Km/mês (média) Passageiros por km (total anual)
31.856.818 13.187.515 1.098.960 2,01
Fonte: Consórcio SIM, dezembro 2011

9.1.4.2) Quilometragem total

Segundo a Secretaria de Mobilidade Urbana os dados referentes à quilometragem total são atualizados em janeiro de cada ano, e para 2012 fez-se uma média desde a implementação do consórcio SIM, desta forma, planeja-se gastos e cálculo da tarifa.
Na Tabela 9.1.6 a seguir, mostra-se a quilometragem mensal, com base na média produtiva percorrida em 12 meses, e o percurso médio mensal por veículo.

Tabela 9.1.6 – Quilometragem total e por veículo
Km/mês (média) Quilometragem por cada veículo – mensal (média)
1.098.960,00 5.606,94
Fonte: Secretaria de Mobilidade Urbana, 2011

9.1.4.3 Frota Operante

O consórcio SIM possui uma classificação de veículos por tipo e faixa etária. Na Tabela 9.1.7 a seguir, observam-se as classificações com a quantidade correspondente.

Tabela 9.1.7 – Tamanho da frota, por tipo e faixa etária do veículo
Faixa Etária (anos) Tipo Leve Tipo Pesado Tipo especial Total
0-1 0 8 0 8
1-2 5 6 0 11
2-3 28 31 0 59
3-4 7 3 0 10
4-5 9 4 0 13
5-6 6 10 0 16
6-7 12 10 0 22
7-8 7 8 0 15
8-9 2 6 0 8
9-10 0 10 0 10
10-11 1 12 1 14
11-12 0 10 1 11
+ de 12 3 28 0 31
Fonte: Secretaria de Mobilidade Urbana, 2012

Já na Tabela 9.1.8, separa-se em frota operante e reserva, alcançando o tamanho total da frota.

Tabela 9.1.8 – Tamanho da frota de transporte coletivo total, reserva e operante
Frota Total Frota Reserva Frota Operante
228 32 196
Fonte: Secretaria de Mobilidade urbana, 2012

9.1.4.4 Número de passageiros transportados

Conforme os dados do consórcio SIM, a média de passageiros transportados divide-se em com desconto e sem desconto. Estes números seguem na Tabela 9.1.9.

Tabela 9.1.9 – Número de passageiros do transporte coletivo, por mês
Passageiros/mês (média) Com desconto Sem desconto
2.206.977 522.005 1.945.974
Fonte: Secretaria de Mobilidade urbana, 2012

Observa-se que, em média, 24% dos passageiros possuem descontos na tarifa do transporte coletivo urbano. Também se encontra, na Tabela 9.1.10 a seguir, o índice de passageiros por cada quilômetro percorrido.

Tabela 9.1.10 – Índice de passageiros por quilômetro
Passageiros por quilômetro / mês
2,008
Fonte: Secretaria de Mobilidade Urbana, 2012

9.1.5) Transporte Rodoviário

Apesar do alto custo e das deficiências das estradas, elas são o principal meio de transporte do país. O Rio Grande do Sul possui 5.500,26 km de rodovias federais e 11.113,15 km de rodovias sob jurisdição estadual, totalizando 16.613,41 km de rodovias. O policiamento rodoviário nas rodovias estaduais é realizado pelo Comando Rodoviário da Brigada Militar.
Desde o início da República, os governos sempre priorizaram o transporte rodoviário em detrimento ao transporte ferroviário e fluvial. O Presidente Juscelino Kubitschek (1956-1960), que concebeu e construiu a capital Brasília, foi outro incentivador de rodovias. Em Santa Maria, as estradas são as principais transportadoras de carga e de passageiros.
As rodovias que se encontram em boas condições, exceto algumas exceções, fazem parte de concessões à iniciativa privada; assim, embora apresentem boa qualidade, estão sujeitas a pedágios.

9.1.5.1 Passageiros

O transporte rodoviário de passageiros, em Santa Maria, tem uma função fundamental para a economia e desenvolvimento da cidade. A grande característica do município é a sua população flutuante, composta (em sua maioria) por universitários e militares. Com isso, o serviço de transporte intermunicipal torna-se essencial para dar suporte aos visitantes/habitantes durante o ano. Apesar da sazonalidade da demanda deste serviço, é possível fazer uma média para os principais dados. Segundo a administração da Rodoviária Municipal de Santa Maria, os dados numéricos diários, atualizados em junho de 2012, são demonstrados a seguir na Tabela 9.1.11.

Tabela 9.1.11 – Dados numéricos diários do transporte rodoviário de passageiros
Número de passageiros- Embarques
(em média)
Número de passageiros- Desembarque
(em média)
Número de ônibus que saem da rodoviária municipal Total de pessoas que transitam pela rodoviária/dia
– serviços diversos (em média)
3.300 3.000 165 8.000
Fonte: Rodoviária Municipal de Santa Maria, junho de 2012

9.1.5.2 Carga

Por sua localização central, Santa Maria é beneficiada com o uso do transporte de cargas. Segundo dados da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), atualizados em maio de 2012, não consta nenhuma cooperativa registrada neste tipo de serviço, porém, o maior número é de autônomos registrados. Identifica-se, com estes dados, a flexibilidade deste serviço, o qual demonstra que muitos transportadores não possuem vínculo com empresas e cooperativas. Com o crescente empreendedorismo de Santa Maria e o crescimento do Distrito Industrial, acredita-se que o transporte de carga aumentará sua demanda nos próximos anos.
A Tabela 9.1.12 apresenta dados referentes ao transporte de cargas rodoviário municipal, como número de empresas e número de autônomos, ambos registrados no município.

Tabela 9.1.12 – Dados numéricos referentes ao transporte de carga rodoviário municipal registrados no município
Nº Empresas registradas Nº Cooperativas registradas Nº de Autônomos registrados
331 Não consta 1170
Fonte: ANTT, maio de 2012

O município de Santa Maria possui uma sede do Sindicato dos Transportadores Rodoviários Autônomos (Sindicam) e, conforme dados de junho de 2012, fornecidos por esta unidade do sindicato, há 2600 veículos leves e pesados registrados no município, em condição de autônomos.

9.1.6) Transporte Ferroviário

Atualmente, Santa Maria utiliza suas ferrovias apenas para o transporte de cargas. São transportados muitos produtos para todo o Estado e até mesmo para o exterior. Na Tabela 9.1.12 a seguir constam alguns dados numéricos de maio de 2012, segundo a empresa América Latina Logística (ALL).

Tabela 9.1.13 – Dados numéricos diários referentes ao transporte ferroviário municipal
Viagens comerciais (média) Vagões por trem (média) Extensão da rede
(Santa Maria)
10 trens 70 vagões 80 km
  Fonte: ALL Santa Maria, maio de 2012

          

          

Em 80 km de extensão da rede férrea, são realizadas viagens comerciais com média de 10 trens diários. Alguns dos produtos transportados pela empresa ALL, estão listados no Quadro 9.1.4 a seguir.

Álcool
Arroz
Bobinas de papel
Bovinos congelados
Calcário
Cimento
Cinza Vulcânica
Clínquer
Diesel
Farelo de Soja e trigo
Feijão
Ferros Gerdau
Fertilizantes
Gasolina
Madeira
Milho
Pallets
Pedra britada
Peixe congelado
Polietileno
Retalhos de couro
Siderúrgicos
Soja
Trigo
Quadro 9.1.4 – Produtos transportados pela rede ferroviária

9.1.7) Táxi

Com o crescimento da população santa-mariense é prevista uma licitação para aumento da frota de táxis em 2012/2013. O aumento prevê um táxi para cada 1000 habitantes.
A seguir, a Tabela 9.1.14 demonstra dados referentes aos números de pontos de táxi registrados no município, bem como o número de automóveis registrados que circulam funcionando como táxis.

Tabela 9.1.14 – Dados numéricos referentes aos pontos e automóveis táxis registrados no município
Número de pontos de Táxi Número de automóveis
35 211
Fonte: Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, junho de 2012.

Atualmente, o serviço possui uma grande demanda e conta com 35 pontos de táxis registrados pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (SMU). A partir de 2011, houve um controle mais rígido dos cadastros deste transporte. Para isso, os motoristas de táxis devem seguir normas e regras para atender a cidade com conforto e segurança.

9.1.8) Transporte Aéreo

Este tópico contempla informações referentes ao transporte aéreo municipal, porém somente dados referentes ao transporte aéreo civil foram encontrados.

9.1.8.1 Civil

O transporte aéreo civil anseia por mais voos, principalmente para o centro do país, buscando atender a demanda do serviço, já que Santa Maria possui uma vantagem geográfica que favorece, também, o uso deste transporte.
Desde agosto de 2006, uma única empresa opera no município, a NHT Linhas Aéreas. Esta empresa atua no mercado aéreo do Rio Grande do Sul. Conta com uma frota de 6 aeronaves modelo LET 410 UVP E-20, configuradas para 19 passageiros e 2 tripulantes. Os aviões são fabricados na Europa pela Aircraft Industries e dotados de equipamentos de auxilio à navegação aérea e de segurança de voo de última geração.
A Tabela 191 a seguir, apresenta dados numéricos em relação aos vôos diários, embarque/desembarque, aeronaves e trajetos do transporte aéreo municipal.

A seguir, a Tabela 9.1.15 apresenta o número total de decolagens e o número total de pousos no ano de 2011.

Tabela 9.1.15 – Dados numéricos referentes ao transporte aéreo civil municipal
Número de Voos Diários Embarque /Desembarque Número de Aeronaves Trajeto (Cidades)
4 Em média, 15 a 20 embarques por dia. Mesma média para desembarques 6 Santo Ângelo Santa Maria Uruguaiana
Porto Alegre
Fonte: NHT, junho de 2012

Em 2011, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o município realizou a mesma quantidade de decolagens e pousos.

Tabela 9.1.16 – Número total de pousos e decolagens civis anuais no município
Número Total de Decolagens Número Total de pousos
1.003 1.003
Fonte: ANAC, 2011

9.1.9) Moto Táxi

Santa Maria, atualmente, é contemplada com uma rigorosa regularização no serviço de moto táxi, dessa forma, a todos os pontos registrados na Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana exige-se qualidade no serviço de transporte de pessoas e de produtos.
A Tabela 9.1.17 apresenta o número de pontos de moto táxi e de moto frete registrados no município.

Tabela 9.1.17 – Número de pontos de moto táxi e de moto frete registrados no município
Pontos Moto Táxi Veículos Moto táxi Pontos Moto Frete Veículos Moto frete
241 269 90 102
Fonte: Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, agosto de 2012

Conforme os dados de junho de 2012, fornecidos pela Secretaria, há 241 pontos de Moto Táxi e 90 pontos de Moto Frete registrados.

9.1.10) Transporte Escolar

A grande quantidade de estabelecimentos de ensino, existentes em Santa Maria, exige um serviço de transporte escolar com oferta correspondente a sua demanda.
A Tabela 9.1.18 a seguir apresenta o número de veículos de transporte escolar registrados no município de Santa Maria.

Tabela 9.1.18 – Quantidade de veículos de transporte escolar registrados no município
Veículos Transporte Escolar
368
Fonte: Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, junho de 2012

Em junho de 2012, segundo a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, constam 368 veículos devidamente regularizados para este serviço.